• Quem trabalha com redes sociais, divulgando uma marca, produto ou serviço, tem visto o quanto é difícil alcançar o público alvo, muito diferente de alguns anos atrás.

    Assim antes de montar uma campanha ou estratégia nas redes sociais, uma dica é conhecer, primeiramente, bem de perto que tipo de público deseja alcançar. Em segundo buscar oferecer sempre os melhores conteúdos ou no mínimo interessantes para que essas pessoas venham te conhecer, ou queiram estar à sua volta.

  • Hoje ter um grande site, bem estruturado e prontinho para fazer suas vendas é cada vez maior entre as empresas, mas depois de toda a criação, conteúdos e produtos, como fazer com que ele seja conhecido pelo seu público alvo?

    Existem diversas formas de divulgar o seu site, algumas você mesmo pode fazer, outras é mais adequado que uma empresa de marketing digital tome a frente para auxiliá-lo da melhor forma.

  • As redes sociais são mais do que canais de entretenimento, elas são consideradas grandes e fortes ferramentas para o marketing de sua empresa.

    Por isso, atuar de forma errada em uma delas (ou até mesmo em todas), ou passar por cima do que aparentam ser pequenos detalhes, podem por abaixo toda a sua estratégia de divulgação e relacionamento com os clientes.

  • Você já ouviu o termo Cross Device? Segundo pesquisa da Connected Shoppers, promovida pelo Facebook, as pessoas começam a busca por um produto em um dispositivo e a finalizam em outro, isso acontece com 75% das compras online. Essa ação é chamada de Cross Device.

  • Mais do que um novo canal de comunicação, as redes sociais são uma fonte infinita de informações sobre a sua marca e o seu mercado. Fazer um bom trabalho de geração de conteúdo no Facebook, Twitter, Linkedin e afins é tão importante quanto fazer o monitoramento da sua marca nesses meios. Neste post vamos apresentar 6 razões para você repensar a sua postura nas redes sociais em relação à sua marca. Confira!

  • Impulsionar sua empresa nas redes sociais não é uma tarefa muito simples, não é novidade que as mídias sociais trazem e ajudam muito a manter o seu público ativo e sempre por perto. Podemos dizer que as mídias sociais são grande parte de nossas ferramentas de marketing nos dias atuais, mas não é simplesmente ativar uma conta, criar um perfil e pronto, relaxar e aguardar os resultados.

  • Atire a primeira pedra quem nunca sofreu com a regrinha dos 20% de textos nos anúncios e impulsionamentos do Facebook e Instagram! Quem, assim como a gente, trabalha pensando no resultado para o cliente, passava um bom tempo calculando o espaço ocupado pelo texto em todos os cards.

  • Erro # 1: nenhum apelo à ação

    O objetivo de uma página deve ser óbvio para qualquer visitante. O que você deseja que um visitante que chega em sua página faça a seguir? Muitos de nossos clientes não são e-commerce, por isso pode parecer menos óbvio; no entanto, supondo que você quer que alguém permaneça no seu site, o que vem a seguir?

    Mesmo se a resposta for "Eu quero que eles visitem minha loja", facilite para eles. Adicione um botão proeminente "Visite nossa loja". Se é uma página de blog simples, quais são os próximos artigos do blog que alguém deve ler com base no que eles acabaram de ler? Ou você tem um e-book relevante que gostaria de baixar? Você os conseguiu até o final do seu post - não perca o visitante porque eles não têm certeza do que fazer a seguir!

  • Nas redes sociais de hoje, muitas empresas se perguntam: Eu preciso realmente de um site? ou posso mover todas as minhas atividades para as redes sociais em que estou? A resposta é SIM! Um site sempre será uma ferramenta crucial no seu arsenal de negócios; um canivete suíço para a sua marca que pode oferecer níveis de funcionalidade e controle que a mídia social não pode oferecer. Aqui vão cinco razões pelas quais você ainda deve investir em seu website.

© 2020 Center Designer. Todos os direitos reservados.